segunda-feira, 6 de abril de 2009

Peças Associativismo

Bem, voltei!! :D
Neste post vou explicar porque é que andei meio desaparecida. As pessoas que me conhecem já estão a par, quanto mais não seja por me ouvirem constantemente a queixar-me de ter passado as últimas duas semanas consecutivas a soldar. Já parecia que tinha o maçarico colado às mãos, ehehe.
Ora bem, isto foi um projecto feito de raíz para o Município do Barreiro, com o objectivo de oferecer estas peças às colectividades e associações culturais no Barreiro, bem como a diversas personalidades importantes. Para mim, será escusado dizer, é uma bela oportunidade de dar a conhecer o meu nome e o meu trabalho e por esse facto tenho a agradecer à minha querida amiga Mónica Duarte do Gabinete da Juventude que sugeriu o meu nome quando o nosso querido presidente Carlos (Nhocas) Humberto lhe disse que este ano queria 'uma prenda diferente'.
O mote era o associativismo. E para tal, criei estas duas peças, em inox e latão que, creio, conseguem transmitir essa ideia. Nas fotos das peças acabadas escrevi um pequeno texto para explicar o porquê das formas e o conceito por detrás. Fiz uns pequenos folhetos para acompanharem as peças nas embalagens com esse texto e com algumas fotos da sua execução ( que são as que mostro aqui). Fi-lo porque acho importante que as pessoas que as vão receber possam enteder melhor o porquê de elas serem assim e compreenderem melhor o processo criativo que levou até ali. As fotos da execução servem para mostrar como foram feitas. Como sabem, eu gosto sempre de dar esta informação às pessoas, gosto que elas se contextualizem, não costumo fazer uma peça só por si. Tenho sempre uma ideia, um conceito, uma história por trás para as fundamentar.
Fiz estas duas peças para que eles escolhessem qual gostavam mais que eu produzisse e acabaram por escolher as duas, por terem ficado indecissos e gostarem igualmente das duas. Para mim melhor.:) Porque eu também não conseguia decidir de qual gostava mais.
Esqueci-me de mencionar o facto mais importante: tenho de produzir 80 coisinhas destas!!!!! Ah, pois é! Mas esta primeira fase é que foi mais complicada, porque tive de entregar logo 30 peças. Mas, a partir de agora, será mais tranquilo, vão ser mais espaçadas. Por isso agora percebem porque nunca mais aqui vim? Cada coisa destas demora algum tempo a fazer, embora eu tenha tido uma ajuda incrível do pessoal aqui de casa. Se não fossem eles, teria sido muito difícil para mim. O meu passarinho ajudou-me a lixar as peças de inox, o meu pai a furar as argolas das esferas ( foram 240) e a minha mãe a fazer as embalagens em forma de pirâmide. Ficaram giras, o Origami voltou a dar jeito, desta vez em tamanho grande.:) Depois posto fotos das peças na embalagem, desta vez não deu para tirar.
A minha casa durante uns dias pareceu uma oficina de serralharia, cada um a fazer barulho com a sua máquina, ehehe...:)

4 comentários:

Mag disse...

Ola priminha,
bem, de facto, ainda bem que comi uma gelatininha de morango antes de vir aqui, por que isto, pode até chamar-se, local de tortura...estão brutais estas novas invenções...adorei...
dá-me vontade de os comer pah!!
Está maravilhoso...a ideia está super original e até dá sensação de que sinto o cheiro a bolos...

ah, e o xadrês também me deixa um pouco louca!!!

beijo grande no coração

jOhn disse...

Gosto das tuas fotos a mostrar como se faz. Lembra-me aqueles guias de trabalhos manuais, com fotos dos mestres a ensinar em meia dúzia de passos como fazer coisas úteis la para casa. Amanha vou mesmo ao barreiro e espero ver-te la na feira! Beijo

marta disse...

bem, estou maravilhada com estas peças! já não espreitava aqui há um tempinho e agora vejo que andei a perder uma data de novidades :-) não posso deixar de te dar os parabéns por mais este excelente trabalho. essa caixinha criativa não pára :-D

Ana Encarnação disse...

Obrigada Martinha.:) Já sabes o que é que a casa gasta, não é verdade...? Isto é sempre a inventar, qualquer dia entro em curto-circuito, de tanto as ideias se 'atropelarem'.

Tenho saudades tuas, aparece.;)
***************





John, my dear John...:) Não te vi lá na feira. Fiquei com a expectativa de conversarmos um bocadinho e... népias. Temos mesmo de marcar um lanche. Ou então um novo almoço na tua casa.;)

beijos***